Cake

Cake

169146.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxxClaire Simmons (Jennifer Aniston) é uma mulher que após um acidente se torna traumatizada e depressiva e busca ajuda em um grupo de apoio para pessoas com dores crônicas. Depois de um tempo participando, um dos membros do grupo comete suicídio: Nina (Anna Kendrick). Claire acaba ficando obcecada pela história desta mulher, e começa a investigar a sua vida para saber se descobre os motivos dela ter se matado.

Aos poucos, ela vai conhecendo mais sobre Nina e sobre sua família. Com isso ela passa a ter uma relação estranha com o marido dela, Roy (Sam Worthington). Isso faz ela repensar sua vida, suas atitudes e a forma como está lidando com seus problemas.

Uma das atrizes mais famosas dos Estados Unidos chega as telonas vivendo uma personagem totalmente diferente de tudo o que já fez, não só pelos traumas vividos por Claire, mas também pela sua caracterização. Cheia de cicatrizes no rosto, cabelos oleosos, roupas mais soltas e com quase nenhuma maquiagem. E mesmo em um papel que não é muito comum em sua carreira, ela soube criar uma personagem incrível e muito sensível.

188971.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Nesse novo desafio, Jennifer Aniston mostra-se uma atriz bem segura e capaz de ser a protagonista de um drama, e não apenas fazer comédias como Esposa de Mentirinha ou o seriado Friends (na qual ficou conhecida). Cake me fez acreditar que podemos esperar grandes coisas da eterna Rachel de Friends.

O filme é bem legal e possui um bom roteiro, escrito por Patrick Tobin. A direção de Daniel Barnz também é boa e sem muito lenga lenga. O filme não é dos melhores, mas é comovente e vale a pena. Recomendo!

Sobre o Autor:

Renata Araujo
Renata Araujo 298 resenhas

É jornalista por formação, nerd por paixão e cresceu rodeada de livros sendo até proibida de comprar mais por não ter aonde botar. Era figura conhecida na locadora mais próxima, aonde nem precisava se identificar, hoje em dia usa o quarto do namorado como depósito de livros. Adora livros de fantasia, sendo um PotterManiaca, mas não dispensa nenhum gênero. Para filmes prefere os clássicos dos anos 80 e compara qualquer filme com Dirty Dance - Ritmo Quente e O Guarda Costa.

Você pode gostar também

Filmes

Bob Esponja – Um Herói Fora D´Água

Plankton nunca gostou do sucesso que o restaurante Siri Cascudo faz e principalmente por ele ter a exclusividade na produção do hambúrguer de siri. Por isso ele decide mais uma

Filmes

Minha mãe é uma peça!

Dona Hermínia (Paulo Gustavo) é uma mulher de meia idade, hiperativa, divorciada e mãe de três filhos, Marcelina (Mariana Xavier), Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Garib (Bruno Bebianno). Sua vida se

Trash – A Esperança Vem do Lixo

Raphael (Rickson Tevez) e Gardo (Eduardo Luís) trabalham no lixão e levam suas vidas a procura de algo valioso entre os objetos que são despejados todos os dias no local.

0 Comentários

Nenhum Comentário Ainda!

Você pode ser o primeiro a comentar esta publicação!

Responder

Apenas usuários registrados podem comentar.