Livre

Livre

downloadCheryl Strayed (Reese Witherspoon) teve uma vida difícil. Abandonada pelo pai violento aos 6 anos, aos 22 perdeu sua mãe para uma doença e logo em seguida se divorciou. Todas essas coisas a levaram a uma fase de autodestruição repleta de muitas drogas e sexo com pessoas aleatórias.

Porém chega um dia em que ela para e decide se aventurar em uma trilha de 4200 quilômetros, chamada de Pacific Crest Trail, ou PCT, na costa do Pacífico, que vai do deserto do Mojave, na Califórnia, até o estado de Washington. Sem nenhum tipo de experiência e apenas com o objetivo de autoconhecimento, e essa trilha vai mudar sua vida para sempre.

Baseado em uma história real, escrita por Cheryl Strayed (Livre – A Jornada de uma mulher em busca de um recomeço), Livre já havia feito muito sucesso nos livros, liderando por sete semanas seguidas a lista dos mais vendidos de não-ficção do jornal The New York Times e até sendo selecionado para o famoso Clube do Livro de Oprah Winfrey.

wildVendo isso, Reese Witherspoon, foi até o fim para ganhar os direitos da obra. E que bom que ela conseguiu, pois além de reunir um time de peso, como o diretor Jean-Marc Vallée (O Clube de Compras Dallas) e o roteirista Nick Hornby (Alta Fidelidade), ela mesma ainda fez uma atuação incrível como Cheryl.

O filme é muito bem feito. A trilha sonora é bem legal e a edição descontinuada, sem mostrar tudo na ordem cronológica, ficou muito bem feita. Eu curto muito filmes assim, em que você só descobre alguns detalhes sobre o personagem no meio do filme e precisa juntar o quebra-cabeça todo.

Author-Cheryl-Strayed-on-trip-across-the-US

A verdadeira Cheryl Strayed no PCT

A pesar de parecer um filme com poucas cenas de ação, já que mostrar uma pessoa fazendo trilha não é lá algo que se possa chamar de adrenalina, o filme consegue prender a atenção o tempo todo pela forma como ele é mostrado ao público e até mesmo por alguns pontos altos (que podem ser considerados cenas de ação), como quando ela acha uma cobra, a falta de água, o medo de ser estuprada e até mesmo ela comendo as cinzas da mãe.

 

Mas o ponto alto mesmo são as cenas em que Cheryl tenta entender tudo o que aconteceu com ela, desde o início quando ainda era criança, até aquele momento. E isso deixa no ar algumas frases bem legais, como por exemplo “Mas a gente nunca está preparado para aquilo que espera”. Um filme lindo com uma atuação excelente de Reese Witherspoon. Recomendo!

OBS: Uma curiosidade bem legal, é que quem interpreta Cheryl pequena é a filha da autora do livro.

 

Trailer:

http://youtu.be/q1u7hkk5W4w

Sobre o Autor:

Renata Araujo
Renata Araujo 298 resenhas

É jornalista por formação, nerd por paixão e cresceu rodeada de livros sendo até proibida de comprar mais por não ter aonde botar. Era figura conhecida na locadora mais próxima, aonde nem precisava se identificar, hoje em dia usa o quarto do namorado como depósito de livros. Adora livros de fantasia, sendo um PotterManiaca, mas não dispensa nenhum gênero. Para filmes prefere os clássicos dos anos 80 e compara qualquer filme com Dirty Dance - Ritmo Quente e O Guarda Costa.

Você pode gostar também

Filmes

O incrível Hulk (2008)

Então… essa semana estreia O Homem de Ferro 3 e como eu estou mega ansiosa para ver esse filme (meu ingresso já está comprado há semanas), resolvi fazer as resenhas 

Filmes

Amor

Amor pode parecer, a princípio, um filme tranquilo sobre a vida de um casal de idosos, mas eu recomendo para quem aguenta fortes emoções. O filme mostra a vida de

Filmes

Minha mãe é uma peça!

Dona Hermínia (Paulo Gustavo) é uma mulher de meia idade, hiperativa, divorciada e mãe de três filhos, Marcelina (Mariana Xavier), Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Garib (Bruno Bebianno). Sua vida se

0 Comentários

Nenhum Comentário Ainda!

Você pode ser o primeiro a comentar esta publicação!

Responder

Apenas usuários registrados podem comentar.