O Hobbit 3: A Batalha dos Cinco Exércitos

O Hobbit 3: A Batalha dos Cinco Exércitos

487828.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxxO terceiro filme começa logo após Smaug ser expulso da montanha de Erebor. Sua raiva é tamanha, por ter que sair do local que ele considerava seu lar, que ele ataca com fúria a cidade dos homens, que fica próxima ao local. Após muita destruição, Bard (Luke Evans) consegue derrotá-lo de forma fantástica.

Não demora muito para que a queda de Smaug se espalhe, atraindo os mais variados interessados nas riquezas que existem dentro de Erebor. Entretanto, Thorin (Richard Armitage) está disposto a tudo para impedir a entrada de elfos, anões e orcs, já que a riqueza se tornou uma obsessão. Ao mesmo tempo Bilbo Bolseiro (Martin Freeman) e Gandalf (Ian McKellen) tentam impedir a guerra a todo custo, mesmo que a vida deles seja colocada em risco.

009834.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxxO filme começa de forma espetacular: Smaug atacando a cidade do lago. O diretor Peter Jackson arrasou e colocou algumas das melhores cenas de ação no filme logo no inicio, o que gerou uma ótima expectativa para o desenrolar do filme. E para mim a expectativa foi alcançada. As feições de Smaug Benedict Cumberbatch são incríveis e a sensação é de que realmente estamos vendo um dragão. Isso também pode ser explicado pela forma como Peter Jackson gravou o filme, em 48 quadros por segundos. O mais comum é em 24 quadros por segundo e essa diferença deixa o fluxo de imagens mais próximo do que o olho humano assimila.

E apesar de o filme ter sido rodado com em 48 quadros por segundo, nem todos os cinemas estão exibindo dessa forma. Nos EUA apenas 400 cinemas exibirão o filme assim e serão mais 500 cinemas no restante do mundo, segundo o site Hollywood Reporter. Nas outras salas ele será passado em 24 quadros por segundo.334798.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Voltando ao filme, o que foi a sequencia de destruição de Smaug?! Muito bem feita e com um apuro técnico que impressiona qualquer um. Na verdade, todas as cenas de luta do filme (quase que o filme todo, até porque esse terceiro Hobbit é um filme de guerra) são muito bem coreografadas e deixam o público entusiasmado. Nada que os fãs não soubesse, já que essa é uma marca regstrada de Peter Jackson, que fez cenas de luta épicas em o Senhor dos Anéis. Eu adorei a cena em que Galadriel salva Gandalf, mas é surpreendida pelos Espectros do Anel. As cenas de luta foram ótimas!

Porém não foi só com cenas de lutas que O Hobbit foi feito. Diversas cenas cômicas, arrancaram risadas em momentos inesperados, do público presente. Isso sem contar nas parte523612.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxxs mais tensas em que mostram a evolução de personagens como Bilbo e Thorin.

Porém nada barrou a luta principal pela montanha, onde os Elfos se juntam aos Anões contra os Orcs. Cenas fantásticas e brilhantemente criadas, deixam tudo mais mágico. Até mesmo as cenas impossíveis de Legolas (me lembrei dos filmes de ação dos anos 80 com aquelas cenas difíceis de acreditar) ficaram bem legais no conjunto da obra.

Com relação aos atores, a maioria mandou bem, mas gostaria de fazer uma observação especial a Martin Freeman que estava fantástico e me deixou com vontade de ver o Senhor dos Anéis com ele ao invés de Ian Holm. Enfim, com uma produção impecável, uma linda trilha sonora e uma fotografia melhor ainda, O Hobbit fecha a trilogiacom chave de ouro. Peter Jackosn fez um ótimo filme e que com certeza vai nos deixar com muitas saudades da Terra Média. Recomendo!

 

Trailer:

Sobre o Autor:

Renata Araujo
Renata Araujo 298 resenhas

É jornalista por formação, nerd por paixão e cresceu rodeada de livros sendo até proibida de comprar mais por não ter aonde botar. Era figura conhecida na locadora mais próxima, aonde nem precisava se identificar, hoje em dia usa o quarto do namorado como depósito de livros. Adora livros de fantasia, sendo um PotterManiaca, mas não dispensa nenhum gênero. Para filmes prefere os clássicos dos anos 80 e compara qualquer filme com Dirty Dance - Ritmo Quente e O Guarda Costa.

Você pode gostar também

Filmes

Uma viagem extraordinária

Aos doze anos de idade, T.S. Spivet é um garoto superdotado e apaixonado por cartografia. Ele vive em uma fazenda em Montana com seus irmãos e seus pais. Quando ele

Filmes

Homem-Formiga

Mais uma vez a Marvel chega, leva nosso dinheiro, e nos deixa com aquela vontade de quero mais! O herói da vez é o Homem-Formiga. A história começa em 1989

Caminhos da Floresta

Um conto de fadas que mistura vários personagens principais em uma mesma trama. Essa é a ideia de Caminhos da Floresta o novo filme da Disney. Um padeiro (James Corden)  e

0 Comentários

Nenhum Comentário Ainda!

Você pode ser o primeiro a comentar esta publicação!

Responder

Apenas usuários registrados podem comentar.